sábado, 23 de julho de 2011

Querer e Ter


Na curva da silhueta desenha-se a subtileza do momento,
 a volúpia da paixão incendiada.
E eu guardo-te na palma da minha mão enquanto te expludo os sentidos
 e desfaço convicções.
Porque não me submeter ao egoísmo mais básico e render-me à incessante vontade de te cravar a pele de gemidos e palavras?!... Existem  pedaços de vida muito entusiasmantes que não devem ser refutados.
E, eu sempre que te olho apetece-me correr atrás de ti e corromper-te de corpo e alma, desvirtuar-te a mente e saciar-me de ti, fazer-te ir à tua essência. Adoro quando renasces...

Porque tu só és Tu quando Eu estou (em ti)!

:)

11 comentários:

Delícia Fálica disse...

que coisa forte!!!
mas creio que esse momento sera unico... vosso!!!
Beijo

DF

BlackQuartzo disse...

E assim é...

:-)

Stargazer disse...

Mais um texto sublime teu, inspirado pelo Desejo...é maravilhoso ler-te neste registo!

Ah, a Essência...mergulhar nela até ao fundo!!! Com o corpo tocar a Alma...partilha única!

Breathless kiss,

hardrockman disse...

tu és renascer, és a minha essência, eu sou eu pleno quando estas em mim e eu em ti completas-me, deixas-me em delírio, em extâse, fora de mim a vaguear numa nuvem só nossa cheia de paixão, loucura, sensualidade tudo o que tu és e me fazes ser na plenitude do nosso ser. :)

O Sussurrar do Corpo disse...

LINDO!
um sussurro

Ulisses disse...

...essa é a sensação que nos faz ser, em absoluto, nós próprios...

:)

Delícia Fálica disse...

Quero ver-te mais vezes lá pelo meu cantinho...

Beijos

Me disse...

E a última frase remata toda a sensualidade do desejo transmitido atrás!

:)

Noivo disse...

Essa afirmação é forte! Como as palavras! :)

Luna disse...

Por onde andas
saudades de te ler

Zeze disse...

Fugida!!!!!

:)
Beijokas